Bem-vindo ao The Checkpoint Charlie!

Antes mesmo do fim da 2ª Guerra Mundial, algumas transformações territoriais já começaram a ser definidas, as Conferências de Ialta e de Potsdam resultaram na partilha de zonas de influência e também na divisão da Alemanha em 4 zonas administrativas, sob o controle de Estados Unidos, União Soviética, Inglaterra e França, sendo que as duas últimas abriram mão desta função em 1949, passando-a para os Americanos. Assim a Alemanha se dividiu em 2 partes, a ocidental passou a ser a República Federal da Alemanha, e a oriental, República Democrática da Alemanha. Ou ainda, a divisão em lado capitalista e lado socialista.

Apesar de estar do lado oriental, a cidade de Berlim foi divida da mesma forma que o país, e se tornou o símbolo da disputa entre os dois sistemas econômico-sociais. Em 1961 foi construído o marco físico deste confronto: o Muro de Berlim, que não dividia apenas uma cidade, mas também famílias, histórias, e vidas… que só voltaram a se juntar em 3 de outubro de 1990, com a reunificação alemã.

Nesse blog pretendemos discutir, descrever e contar um pouco da história dessa divisão.


Esse blog tem como autores os alunos de Bacharelado em Ciências e Humanidades
UFABC (Universidade Federal do ABC)
Artur Botarelli, Juliana Fabbron, Priscila Ruggeri e Raphael Furquini
Anúncios

4 respostas para Bem-vindo ao The Checkpoint Charlie!

  1. Raíssa disse:

    Oi Rapha! Gostei do Blog de vcs… Acho q vai ficar bem legal o seu projeto!

    Beijão!

  2. Tatyane Estrela disse:

    “The Checkpoint Charlie!” o nome já me deixou curiosa, a descrição vem de encontro a uma curiosidade antiga: como se desenrolou este momento histórico? Com a recente “queda do muro de wall street” voltamos a velhos questionamentos que pareciam superados pela força do pujante neoliberalismo que dominou a sociedade capitalista global. Creio que o trabalho de vocês irá resgatar um pouco dessa dicotomia socialismo/capitalismo. Com o fim dos muros, nos resta pensar numa sociedade de pontes, onde as diferenças sirvam para a construção de modelos hibrídos.

  3. Kaled disse:

    Galerinha….cadê a contextualização?? http://www.youtube.com/watch?v=RzlF2ItabO8&feature=related HEHEHE xP

  4. Rogerio dos Santos Munhoz disse:

    Eu sei que já acabou, mas eu vou comentar o que a Taty falou: como proclamar a queda do muro de Wall Street se esse muro continua firme e forte? Essa crise fez com que as estruturas se abalassem, mas o muro continua lá, em pé. Firme e forte, não. Mas ainda está em pé.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s